Publicado em 21 de Setembro de 2020 | 12h54m

Você não está sozinho

sessões gratuitas de barras de access setembro amarelo


Bruna Eduarda



Estamos já no terceiro ano consecutivo aderindo ao movimento Access Consciousness® e o Mês de Consciência Mundial sobre o Suicídio, em que os praticantes das técnicas dessa ferramenta fazem atendimentos buscando trazer alívio, paz e consciência para os participantes durante todo o mês de Setembro.

Há 17 anos o dia 10 de setembro é marcado como o Dia Mundial de Prevenção do Suicídio. O Brasil reforçou a data em 2014 com a criação da campanha Setembro Amarelo, com várias ações dedicada à prevenção do suicídio.

Em adesão à campanha, neste mês 4 profissionais, Jaqueline Sartori_(Nova Andradina) -Gabryella Franco (Nova Andradina) -Maria Jovelina (Batayporã )-Adriano Pinheiro (Batayporã) se reuniram e abriram as portas do consultório para realizarem terapias com atendimentos e sessões de Barras de Access.

As terapias começam hoje 21.09, com hora marcada (das 08h às 17h), o local será no clínica de cada terapeuta.

De acordo com a Terapeuta e facilitadora de BARRAS DE ACCESS Jaqueline Sartori, ter as barras ativadas por meio do toque suave pode liberar anos de limitações em nós e nos tornando disponíveis a receber.

Durante uma sessão as ondas cerebrais abrandam permitindo que hábitos, crenças, emoções e pontos de vista que você tenha (mesmo sem saber) sejam acessados e liberados. É como deletar o “lixo” da mente que limita sua vida para que novas possibilidades comecem surgir.

Prevenção do suicídio

A campanha Setembro Amarelo, foi idealizada pela Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP) em parceria com o Conselho Federal de Medicina (CFM). O objetivo é conscientizar a população sobre a temática.

Todos os anos, cerca de 800 mil pessoas morrem por suicídio no mundo, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS). Em Mato Grosso do Sul, foram 88 mortes registradas por meio de suicídio entre os meses de janeiro e agosto deste ano. Em 2019, foram 263 suicídios, conforme dados da Secretaria de Estado de Saúde (SES).

IMPORTANTE: as sessões oferecidas têm por objetivo dar um suporte emergencial, com número limitado, durante o mês de

Setembro e não substituem os processos terapêuticos, psico-terapêuticos e de acompanhamento psiquiátrico.

 







COMENTÁRIOS

PUBLICIDADE